20.1.11

Sou um sobrevivente de Cursed City!

Ótimas notícias, caros amigos da Malta do Vapor! Quando postei no dia 10 de novembro a respeito da coletânea de Weird West da editora Estronho, não estava em meus planos participar da seleção de contos, apesar de adorar as duas vertentes ali reunidas, a ficção fantástica e o faroeste (afinal, fui criado lendo Jules Verne e pulps de bangue-bangue). Mas eis que me surgiu uma ideia inusitada para o tema e não resisti. Escrevi quase no limite do prazo "Domingo, Sangrento Domingo", contei com a colaboração dos beta leitores Giseli Ramos, Edgard Refinetti, Tatiana Ruiz e Débora Aquino - registro meus agradecimentos ao quarteto pelas dicas, sugestões e correções - e enviei o dito cujo. O resultado saiu hoje, como pode ser lido no site da editora, nas palavras de M. D. Amado:



Muitos textos encaminhados para a seleção de Cursed City surpreenderam pela qualidade e por isso mesmo foi difícil chegar a seleção final. No final das contas, fui obrigado a subir a quantidade de contos a serem publicados, de 15 para 20 e ainda assim algumas boas escritas ficaram de fora. Espero sinceramente que os espíritos de Cursed City não achem que eu fui injusto nesta seleção, senão eu estou f...

Sendo assim, eis os sobreviventes da cidade amaldiçoada:

Xerife prefaciador: Adriano Siqueira


Bandido Convidado: André Bozzetto Jr. (A balada do coyote)


Os Procurados: Alfer Medeiros (O gigante, a curandeira e a lutadora de kung-fu), Alliah (Just like Jesse James), Ana Cristina Rodrigues (Aquele que vendia vidas), Carolina Mancini (Número 37), Chico Pascoal (Duas lendas), Cirilo S. Lemos (Por um punhado de almas), Davi M. Gonzales (Ainda dói?), Ghad Arddhu (Oricvolver), Georgette Silen (A mão esquerda da morte), Jota Marques (As desventuras do pequeno Roy), Lucas Rocha (O fantasma de Franklin Stuart), M. D. Amado (Nem sempre a fé te salvará), Marcel Breton (Sombras), Romeu Martins (Domingo, sangrento domingo), Tânia Souza (Demônios da escuridão),  Valentina Silva Ferreira (Sally), Verônica Freitas (Deixe-me entrar), Yvis Tomazini (Só o dinheiro dos mortos) e Zenon (Descanse em paz).

Então, podem avaliar como estou feliz!  O meu texto trata de um certo tipo de monstro mitológico sobre o qual eu nunca imaginava escrever... Mas raios, até meados de 2008 eu jamais esperava escrever ficção mesmo. E como eu disse para o Fábio Fernandes no Twitter, agora aprendi a nunca dizer deste sangue não chuparei. "Domingo, Sangrento Domingo" não é exatamente um conto steampunk, apesar de se passar no século XIX - no dia 6 de junho de 1866, uma quarta-feira, se você fizer questão de exatidão - e de ter uma tecnologia bem exótica ao final. Mas espero que agrade também aos meus caros confrades steamers.

12 comentários:

Giseli disse...

Ae, congrats! :D
(levantando a placa de "Eu já sabia!" :P)

Romeu Martins disse...

Haha, você é a minha beta-reader mais rápida do weird west, Gi!

Brigadão pelos comentários no conto!

bibs disse...

aeeeee
parabens por mais essa romeu =D

Romeu Martins disse...

Valeu, bib's! Tomara que curta meu vampiro mofado ;-)

Marcelo Augusto Galvão disse...

Parabéns! Estou curioso para ler esse conto com vampiro :)

Romeu Martins disse...

Opa, é bem Weird, Galvão, espero que goste :-)

Yvis Tomazini disse...

Estamos juntos, comparsa!
Parabéns!
Depois dá uma xeretada!

acanetaselvagem.blogspot.com

Cirilo S. Lemos disse...

Parabéns, Romeu. O seu pistoleiro vampiro não brilha nos duelos ao meio dia, né: :D

Octavio Aragão disse...

Que legal, Romeu! Bom passeio por paisagens estronhas.

Romeu Martins disse...

Opa, Yvis, vou dar uma olhada no teu blog, caro parceiro de coletânea, parabéns, também ;-)

Cerilo, também vai ser um prazer dividir páginas contigo; Domingo Ruiz só brilha ao sol se puserem fogo nele ;-)

Octavio, brigadão, tomara que curta o conto mais estronho e esquésito que já escrevi ;-)

Gerson Lodi-Ribeiro disse...

Muita gente boa, heim? Onde é que eu compro?

Romeu Martins disse...

Opa, seu Ribeiro, xará do João Fumaça. Ainda não houve o lançamento, mas é em breve. Com certeza dará para se comprar na loja do www.estronho.com.br